Hipnose no BDSM

Hipnose no bdsmHá algum tempo eu tenho estudado e trabalhado com hipnose. E como faz muuuito tempo que não posto algo por aqui, resolvi escrever algo a respeito.

A hipnose, bem como o bdsm, é cercada de mitos e preconceitos, e; apesar de ser uma ferramenta sensacional para tratamento de fobias, traumas e outras tantas coisas ligadas à psique, e ser algo muito antigo (há registros de hipnose no antigo Egito), muita gente ainda vê a hipnose como algo perigoso, ou mesmo, a vê com estranheza. E claro, tudo que não nos é claro, ou que não entendemos ou ignoramos, é mesmo estranho… Essa é a raiz da palavra!

A questão é que a hipnose é absolutamente segura, e se aplicada com conhecimento, pode trazer ótimos frutos para uma relação, seja ela bdsm ou não.

A hipnose e o bdsm

E a hipnose no bdsm é algo que me traz muitas, mas muitas ideias! Porque ela pode potencializar o que se sente, pode preencher a imaginação com algo que não está presente, trazer sensações novas, e inclusive é uma alternativa para pessoas que “não podem ficar marcadas”, imagine ser chicoteada e sentir a quantidade de dor que você suporta, no limite máximo, de forma absurdamente segura, na verdade, absolutamente segura, e não ficar com NENHUMA marca no corpo?! Pois é, com a hipnose isso é perfeitamente possível, você pode sentir as dores e sensações de uma surra, sem passar por ela fisicamente. E inclusive pode ficar com as dores por um tempo, como se estivesse se recuperando do spanking.

Soa interessante? Pois é… Eu já gostava de psicologia, comportamento e hipnose, mas depois que resolvi estudar e me formar em algo sério e bem estruturado a respeito, estou literalmente apaixonado pela hipnose.

E adoraria saber de vocês, quem já experimentou algo relacionado à hipnose. Escrevam! Será bem interessante compartilhar histórias aqui!

E, hoje vim trazer um filme, oriental, que usa a hipnose e o bdsm como tema, tem cenas de petplay lindíssimas, mas, é importante saber que ele tem uma mentira enorme sobre a hipnose: No filme, é possível hipnotizar a pessoa sem que ela queira. E na verdade, isso não é possível.

Mas entendo que para se ter o enredo mais excitante e interessante, fazer com que a hipnose pareça ser algo forçado, deixa tudo bem interessante. O filme não está em português, mas você vai perceber que assitir a um filme em japonês sem precisar entender o que é dito, e por duas horas! É absolutamente possível, e prazeroso.

O filme é reservado, não posso deixá-lo público, então para assistí-lo, você precisa ser cadastrado aqui no site.

Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto…. Depois de logada(o), você verá uma linha abaixo com uma senha para abrir o link da coleção de filmes e vídeos no Vimeo.

Você precisa se cadastrar para ter acesso a este conteúdo.

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

https://vimeo.com/395804191

Filme online dublado: Ninfomaníaca 1

Ninfomaníaca (2014)

Não é exatamente um filme BDSM mas esbarra no tema

Ninfomaniaca Volume 1

Eu não considero exatamente BDSM, mas ele é classificado como tal, no meio. É um filme interessante, tem continuidade, que vou disponibilizar na semana que vem, e o fato de ter o relato das experiências sexuais da garota, e ela ter características do perfil idealizado das submissas, acaba fazendo-o esbarrar no tema.

Digo que não considero ser um filme BDSM porque ele mostra a as experiências sexuais da menina, mas não tem práticas do BDSM propriamente.

Mas recomendo assistir.

[box type=”warning”] Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….[/box]

[protected]Para assistir diretamente no Vimeo o link é: https://vimeo.com/405072991 e a senha é: draconiano [/protected]

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

https://vimeo.com/405072991

Filme BDSM completo online, dublado: Contos proibidos de Marquês de Sade

Filme BDSM completo online, dublado:

filme bdsm - contos proibidos de Marques de Sade - online dublado BR

Contos proibidos de Marquês de Sade

Faz tempo que eu queria postar esse filme aqui, e nunca havia algum com qualidade razoável para colocar online… Agora encontrei uma versão dublada em Português – BR, e que tem qualidade razoável.

Vindo do Marquês de Sade, ele mostra um pouco da pegada do conteúdo dele. Que acabou influenciando o termo “sadismo”

Minha nota pro filme: 7 (de 10).

Eu adoraria que vocês deixassem seus comentários a respeito, pois é um assunto polêmico quando é tratado neste nível.

[box type=”warning”] Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….[/box]

[protected]Para assistir diretamente no Vimeo o link é: https://vimeo.com/279323523 e a senha é: draconiano [/protected]

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

https://vimeo.com/279323523

Assistir filme Enjaulada – PET (2017) online

Título original do filme: PET

De 2017, esse filme teve o nome traduzido para Enjaulada

Na minha opinião, o nome em português é muito mais preciso do que o título original. E não é BDSM, definitivamente.

Sempre vi esse filme indicado como um filme BDSM em muitos lugares, e apesar de existir outros filmes com nomes parecidos, como o The Pet, esse aí era sempre destacado, como sendo um filme BDSM, e começo a pensar que as pessoas que o indicaram assim, estão confundindo com algum outro que chama-se PET… Pois há outras ocorrências, enfim… Eu resolvi colocá-lo on-line para quem quiser assistir e ter a sua própria conclusão.

Eu fiquei decepcionado com o filme porque esperava que ele fosse temático, mas de PET não tem nada. E se alguém acha que a forma doentia que os atores interagem e mostram sua personalidade é algo que tem a ver com o BDSM, recomendo que se informe melhor, abra a sua mente e procure orientação, pois definitivamente esse filme só mostra a mente doentia de duas pessoas, que não incluem práticas bdsm, tampouco tem cunho sexual ou de dominação. Não se engane.

Minha nota pro filme (não por não ser bdsm): 4 (de 10).

Se você quiser assistir o The Pet, que não é o mesmo desse filme, vá para esta página: Assistir The Pet online.

Eu adoraria que vocês deixassem seus comentários a respeito, pois é um assunto polêmico quando é tratado neste nível.

[box type=”warning”] Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….[/box]

[protected]Para assistir diretamente no Vimeo o link é: https://vimeo.com/279126031 e a senha é: draconiano [/protected]

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

https://vimeo.com/279126031

The Pet (2006) – Filme BDSM completo on-line, legendado em português

The Pet (2006) – Filme BDSM completo on-line, legendado em português

filme-bdsm-the-pet-2006-completo-em-portugues

Para animar nosso feriado, afinal hoje é a “dupla sexta-feira” da semana, aqui vai um filme que é daqueles que faz a gente prender a respiração e pensar a respeito, e que vai excitar alguém, certamente. Trata-se de “petplay”, e por que está entre aspas? Porque não é exatamente assim que o petplay funciona no BDSM. Mas ele tem bons traços do conceito, com exceção à consensualidade, que no filme está um tanto distorcida, é daqueles que você quer assistir de novo.

O filme tem 94 minutos, o diretor é D. Stevens, ele está classificado como Drama e Thriller e é uma boa pedida para este feriado!

Eu adoraria que vocês deixassem seus comentários a respeito, pois é um assunto polêmico quando é tratado neste nível.

[box type=”warning”]  Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….[/box]

[protected]Para assistir diretamente no Vimeo o link é: https://vimeo.com/137549634 e a senha é: draconiano [/protected]

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

https://vimeo.com/137549634

Entrevista BDSM – Heitor Werneck do Projeto Luxúria

Entrevista BDSM decente

Quem já leu algo dos meus posts, percebeu que eu sou crítico e desbocado. E valorizo muito as pessoas que tive a sorte de conhecer, que têm postura, caráter e espírito de colaboração.

Heitor Werneck é um desses caras… Ele produz o Projeto Luxúria, é conhecido no meio, mas acima de tudo, é uma pessoa que vale a pena sentar do lado e bater um papo, seja profundo ou superficial, sobre BDSM e pessoas. Sim, pessoas… Porque entender melhor o BDSM, depende absolutamente de seu olhar sobre as pessoas.

Abaixo o vídeo com duas partes da entrevista do TV Luxúria, que recomendo assistir. Este é com a Hot Mahara, uma Domme profissional.

Desfrute e compartilhe, e mais importante: Deixe sua opinião também!

https://www.youtube.com/watch?v=rc0ei3zutk4

https://www.youtube.com/watch?v=FluLkthjGFE

https://www.youtube.com/watch?v=qRQ3wMeylT8

 

Filme BDSM completo online – 3096 Dias de Cativeiro (2013)

3096 Dias de Cativeiro (2013)

Filme BDSM completo online dublado em português

3096-dias-de-cativeiro-filme-bdsm-online-completo

Eu não considero exatamente BDSM, mas ele é classificado como tal, no meio. É um filme interessante, com uma dinâmica beirando a lenta, mas que não dá sono.  Com uma temática interessante: Um sequestro de uma menina, para torná-la escrava.

Digo que não considero ser um filme BDSM porque ele mostra a “escravidão” da menina sem consensualidade, e é preciso entender o conceito de que o BDSM depende de consensualidade para não ser violência doméstica, ou mesmo crime.

Eu diria que no máximo, o cara é sádico.

E o BDSM infelizmente tem diversos filmes, artigos, livros e outras peças que de forma preconceituosa e/ou rasa, mostra o “submundo”  que vivemos… tsc tsc

Mas recomendo assistir.

[box type=”warning”]  Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….[/box]

[protected]Para assistir diretamente no Vimeo o link é: https://vimeo.com/182774180 e a senha é: draconiano [/protected]

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

https://vimeo.com/182774180

 

 

Baba Yaga – filme decepcionante

Mais um filme BDSM completo, para assistir on-line (mas não recomendo, não perca seu tempo)

Ontem assisti com a Flames a esse filme, é baseado numa lenda eslava:

“Baba Yaga é o arquétipo da bruxa eslava presente no folclore russo e de todo Leste Europeu. Ela é um personagem muito mais profunda e intrincada do que as bruxas presentes nos mitos da Europa Ocidental, uma figura que inspira sentimentos contraditórios de medo, respeito e esperança.

Seu nome é um testemunho de sua identidade, assim como as muitas lendas que a cercam. O termo russo “Baba” é geralmente considerado ofensivo entre os eslavos. Ele serve para designar um tipo de mulher vingativa, que vive reclamando, que é grosseiramente desgrenhada, uma verdadeira matrona que jamais casou ou foi realmente amada ao longo de sua existência. Seria o equivalente a uma solteirona, uma velha que é consumida pela inveja de todos que são felizes e que vai se tornando cada vez mais amarga, perversa e cruel com o passar dos anos. “Yaga” é mais frequentemente traduzido como “bruxa”, mas tem vários outros significados, como “feiticeira”, “malvada”, “traiçoeira” e até “serpente”, algumas vezes a palavra também é usada para descrever uma situação de perigo, de medo ou até de fúria.”

leia mais sobre a lenda em http://mundotentacular.blogspot.com.br/2014/05/a-lenda-de-baba-yaga-mais-temida-das.html

Mas, só vim escrever sobre ele porque quem diz que ele é BDSM mente, ou não assistiu… é uma porcaria!

Eu não tenho muito a falar dele, mas como haviam me indicado como um filme BDSM, cult, intenso, legal… e eu não concordo em nada com esses comentários, achei legal vir dar minha opinião sobre ele. Definitivamente ele não é um filme BDSM; a não ser a boneca que aparece com umas tiras de couro e um chicote que é usado em alguns segundos de filme, ele definitivamente não é um filme BDSM, não se engane.

E pior, na minha opinião, nada de salva nele… Talvez ele seja cult demais pro meu gosto. Mas enfim, se alguém gostar, e quiser comentar… Ou mesmo assim quiser assistir, o filme está completo on-line no link abaixo. Não gostei!

[box type=”warning”]  Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….[/box]

[protected]Para assistir diretamente no Vimeo o link é: https://vimeo.com/153975743 e a senha é: draconiano [/protected]

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

https://vimeo.com/153975743

Ano de produção: 1973

Esse é tão ruim, mas tão ruim que não merece nem uma capa e sinopse aqui. É um terrozinho barato e mal feito, dos anos 70.

E fico puto com essa mania de “adeptos do meio” acharem o máximo assistir ou falar dessas merdas de filmes e livros “cults” e associar essas coisas bizarras e estranhas ao BDSM, que mania de inventar que as coisas nonsense são legais! PQP!

Taí meu quinhão.

Filme BDSM – A Pele de Vênus

A-PELE-DE-VENUS-2013

Mais um filme BDSM completo, para assistir on-line

Ontem assisti com a Flames a esse filme, é baseado na obra de Sacher Masoch, e tem a pegada romântica/erótica que ele sabia imprimir nas suas obras. Vou assistir novamente a Vênus das Peles, que é diferente deste.

Eu gostei, é intenso, confuso (Polanski) e direto.

Um filme BDSM sem putaria, sem preconceitos tolos comuns dos filmes com a temática, com uma dose legal de erotismo e profundidade suficiente para entreter. Tem um quê de poesia, como quem lê Masoch, provavelmente já viu…

Gostei!

[box type=”warning”]  Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….[/box]

[protected]Para assistir diretamente no Vimeo o link é: https://vimeo.com/153773124 e a senha é: draconiano [/protected]

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

https://vimeo.com/153773124

Trecho do “Adoro Cinema”:

Ano de produção: 2013

A trama gira em torno de Vanda (Emmanuelle Seigner), atriz que se esforça para convencer o diretor Thomas (Mathieu Amalric) de que ela é a pessoa ideal para interpretar a protagonista de sua mais nova peça, inspirada em obra de Sacher Masoch.

Numa Paris chuvosa, o espectador adentra um teatro vazio para se deparar com uma figura solitária, que parece terminar de se arrumar para deixar o lugar. Eis que chega uma mulher atrasada para um teste, que insiste para o profissional deixá-la encenar o texto preparado. Este é o ponto de partida de A Pele de Vênus.

Trailerhttps://www.youtube.com/watch?v=M6PDw3Z83ds

Filme BDSM Venus-in-fur