Baba Yaga – filme decepcionante

Mais um filme BDSM completo, para assistir on-line (mas não recomendo, não perca seu tempo)

Ontem assisti com a Flames a esse filme, é baseado numa lenda eslava:

“Baba Yaga é o arquétipo da bruxa eslava presente no folclore russo e de todo Leste Europeu. Ela é um personagem muito mais profunda e intrincada do que as bruxas presentes nos mitos da Europa Ocidental, uma figura que inspira sentimentos contraditórios de medo, respeito e esperança.

Seu nome é um testemunho de sua identidade, assim como as muitas lendas que a cercam. O termo russo “Baba” é geralmente considerado ofensivo entre os eslavos. Ele serve para designar um tipo de mulher vingativa, que vive reclamando, que é grosseiramente desgrenhada, uma verdadeira matrona que jamais casou ou foi realmente amada ao longo de sua existência. Seria o equivalente a uma solteirona, uma velha que é consumida pela inveja de todos que são felizes e que vai se tornando cada vez mais amarga, perversa e cruel com o passar dos anos. “Yaga” é mais frequentemente traduzido como “bruxa”, mas tem vários outros significados, como “feiticeira”, “malvada”, “traiçoeira” e até “serpente”, algumas vezes a palavra também é usada para descrever uma situação de perigo, de medo ou até de fúria.”

leia mais sobre a lenda em http://mundotentacular.blogspot.com.br/2014/05/a-lenda-de-baba-yaga-mais-temida-das.html

Mas, só vim escrever sobre ele porque quem diz que ele é BDSM mente, ou não assistiu… é uma porcaria!

Eu não tenho muito a falar dele, mas como haviam me indicado como um filme BDSM, cult, intenso, legal… e eu não concordo em nada com esses comentários, achei legal vir dar minha opinião sobre ele. Definitivamente ele não é um filme BDSM; a não ser a boneca que aparece com umas tiras de couro e um chicote que é usado em alguns segundos de filme, ele definitivamente não é um filme BDSM, não se engane.

E pior, na minha opinião, nada de salva nele… Talvez ele seja cult demais pro meu gosto. Mas enfim, se alguém gostar, e quiser comentar… Ou mesmo assim quiser assistir, o filme está completo on-line no link abaixo. Não gostei!

 Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….
Member Login

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

Ano de produção: 1973

Esse é tão ruim, mas tão ruim que não merece nem uma capa e sinopse aqui. É um terrozinho barato e mal feito, dos anos 70.

E fico puto com essa mania de “adeptos do meio” acharem o máximo assistir ou falar dessas merdas de filmes e livros “cults” e associar essas coisas bizarras e estranhas ao BDSM, que mania de inventar que as coisas nonsense são legais! PQP!

Taí meu quinhão.

read more

Filme BDSM – A Pele de Vênus

A-PELE-DE-VENUS-2013

Mais um filme BDSM completo, para assistir on-line

Ontem assisti com a Flames a esse filme, é baseado na obra de Sacher Masoch, e tem a pegada romântica/erótica que ele sabia imprimir nas suas obras. Vou assistir novamente a Vênus das Peles, que é diferente deste.

Eu gostei, é intenso, confuso (Polanski) e direto.

Um filme BDSM sem putaria, sem preconceitos tolos comuns dos filmes com a temática, com uma dose legal de erotismo e profundidade suficiente para entreter. Tem um quê de poesia, como quem lê Masoch, provavelmente já viu…

Gostei!

 Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….
Member Login

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

Trecho do “Adoro Cinema”:

Ano de produção: 2013

A trama gira em torno de Vanda (Emmanuelle Seigner), atriz que se esforça para convencer o diretor Thomas (Mathieu Amalric) de que ela é a pessoa ideal para interpretar a protagonista de sua mais nova peça, inspirada em obra de Sacher Masoch.

Numa Paris chuvosa, o espectador adentra um teatro vazio para se deparar com uma figura solitária, que parece terminar de se arrumar para deixar o lugar. Eis que chega uma mulher atrasada para um teste, que insiste para o profissional deixá-la encenar o texto preparado. Este é o ponto de partida de A Pele de Vênus.

Trailerhttps://www.youtube.com/watch?v=M6PDw3Z83ds

Filme BDSM Venus-in-fur

 

read more

Crash, estranhos prazeres – Novo filme, mas fetichista, não exatamente BDSM.

poster-crash-estranhos-prazeres-david-cronenberg-Filme fetichista, não BDSM… Crash, estranhos prazeres (1996)

Assisti esse filme com a Flames ontem, e gostei, achei interessante compartilhar por se tratar de fetiche, e ser um filme um tanto difícil de encontrar on-line para assistir… o trailer dele é esse abaixo, e se você fizer login, poderá ver o conteúdo restrito com o link dele no Vimeo ou assistir aqui na tela mesmo.

Sinopse by Adorocinema.com:

James Ballard (James Spader) se envolve em um terrível acidente automobilístico que acaba atingido outro carro no qual está um casal. O homem morre e a mulher fica bastante ferida, mas após o trauma e a raiva inicial ela acaba se tornado amante de James. Ao mesmo tempo passam a frequentar um grupo que tem como fetiche a reconstituição de acidentes de carros, nos quais famosas pessoas morreram. No entanto, estas reconstituições são propositadamente feitas sem nenhuma norma de segurança, aumentando sensivelmente o risco para quem participa da simulação e criando um clima de grande excitação para a platéia. A descoberta deste estranho prazer acaba atingindo a esposa de James e as relações sexuais tendem a serem quase sempre dentro de automóveis.

Crash estranhos prazeres completo online PT-BR

Curiosidades:

  • O diretor David Cronenberg chegou a rodar cenas de sexo entre James Ballard e sua secretária, mas elas terminaram sendo cortadas do filme porque, de acordo com o diretor, ficaram boas demais e isto contrastaria com as demais relações sexuais mostradas no filme.
  • A versão em vídeo de Crash- Estranhos Prazeres disponível nas locadoras americanas da Blockbuster não possui quase que nenhuma das cenas de sexo do filme. Esta versão tem aproximadamente 10 minutos a menos do que a exibida nos cinemas.

Trailer:

 Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito.
Member Login

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

read more

Vídeo BDSM com bondage sem cordas ou correntes

Vídeo BDSM com bondage sem cordas ou correntes

Para quem curte algo um pouco mais forte do que só imobilizar com bondage, esse método é interessante para torturas.

 Para assistir esse filme, você precisa ser um usuário cadastrado, por ser conteúdo restrito. É rápido, você se cadastra e e confirma clicando num link em seu e-mail e pronto….
Member Login

Ou se preferir, basta digitar a senha no vídeo abaixo e você assiste aqui mesmo… tem opção de tela cheia inclusive.

read more

Filme 50 tons de cinza, recomendar? Difícil hein?

Não recomendo o filme 50 tons de cinza

50 tons de cinzaFui assistir 0 50 tons de cinza no cinema com minha submissa, não fomos animados, já esperávamos que seria bem água-com-açúcar, e foi. Por isso não me decepcionei, consegue obviamente ser mais pobre que o livro, e olha que eu tenho boa vontade para olhar pro livro que consegui ler os 2 primeiros, para ter propriedade para criticá-lo, sem ouvir a avalanche preconceituosa e de opinião rasa que muitos dos “BDSMers” teimam em repercutir.

Mas o filme dá sono, é fraco e não vale os R$ 3,00 que paguei porque fui assistí-lo à tarde, no carnaval e o Cinemark ainda cobra meia de clientes Vivo hahaha, isso me fez mais feliz, achar que só gastei os R$ 3,00 no filme que não valeu o meu tempo sentado.

E vi um submisso perguntar: -Uma dúvida que eu tenho: até onde 50 tons de cinza é verdadeiro na questão do sadomasoquismo?

Minha resposta foi: – Entendendo-se que sadomasoquismo é só 50% da sigla bdsm e tudo que compõe o tema, o 50 tons de cinza é só um romance água-com-açúcar, com uma pitada de pimenta, que feliz ou infelizmente (depende do ponto de vista) a escolha para isso foi o tema bdsm. Então respondendo a sua pergunta, é verdadeiro sim, há detalhes (muito sutis) verdadeiros sobre o SM, mas é preciso enxergar além disso… Não há só BDSM no livro, então é preciso pesar o objetivo dele, como finalidade comercial mesmo… que se comparado com outros “recomendáveis” do tema, é pobre, mas não é equivalente, porque no caso de Sade ou Masoch por exemplo, ou mesmo Historie d’O, tinham outros objetivos. Respondendo sem ser tão prolixo como sou: SIM (pois é, discordo das outras opiniões) mas não recomendo o investimento de tempo nele, eu tentaria algo mais ‘clássico’.

E hoje vi um vídeo de atrizes pornô, que fizeram para dizer porque odeiam os filme 50 tons de cinza. E concordo com elas. São as pornstars Nadia Styles, Mercedes Carrera e Nina Elle. E ok, para a mulherada, talvez valha assistir pelas cenas mornas do Jamie Dornan, mas putz… a atriz bem que podia ser um pouco excitante! =(

O vídeo delas é esse abaixo:


Porque atrizes pornograficas odeiam 50 tons de… por EvelFatalis

read more